Meme Literário 2013 – Dia 12

Dia 12 – Qual a importância na edição (fonte, capa, papel, margens) para você?

Bom,  o primeiro impulso seria dizer que não me importo muito com esses detalhes em um livro.  Mas venhamos e convenhamos que um livro feito com um bom material, com uma capa bem feita, um papel bom, com fontes de fácil leitura (não gosto daqueles livros onde a letra é miúda, em um papel fino, tipo bíblia),  etc.

Sem querer entrar no lugar comum de que o conteúdo é o que importa e já entrando, eu cheguei a ler muitos livros das edições de ouro, como os três indianistas de José de Alencar, O Guarani, Iracema e Ubirajara.   Lembro-me quando a professora de português mandou-nos ler “O Guarani”, dizendo que iríamos fazer uma prova sobre o livro no final do mês e, quando vi o tamanho do livro na edição das edições de ouro, quase caí de costas:  o livro era bem grosso, com letras pequenas!  Mas, como eu ia fazer prova, abri a primeira página e comecei a ler.  Pronto!  Eu não conseguia mais parar de ler.   Até hoje ainda me lembro do início, “De um dos cabeços da serra dos órgãos, corre um fiozinho d´água que se dirige para o mar.  É o Paquequer”.

Depois que terminei o Guarani e fiz a prova, comprei logo os outros dois, Iracema e Ubirajara.  Esses dois já eram bem menores que o Guarani, de fácil leitura.   Iracema foi outra obra de arte.  Li rápido, também não conseguia parar de ler.  Já Ubirajara eu considerei o mais fraco dos três, mas nem por isso deixa de ser bom.

Resumo da ópera:  eu havia julgado um livro pelo seu tamanho e pelo tamanho da fonte (O Guarani), e tive uma grata surpresa quando comecei a ler.

Assim, penso que realmente o que importa é o conteúdo, mas uma bela capa, uma encadernação bem feita, um papel de boa qualidade, sempre ajuda, né?
Meme Literário em outros blogs:

Quarto Escuro (Bruna)

Batata Transgênica (Naomi)

Breviário das Horas (Suzana)

Depokafé (Henderson)

Rato de Biblioteca (Cristine)

Pensamentos Insones (Eduardo)

Esperando o Esperado (Mica)

Na Terra da Lua Virada (Lídia)

Sobre Marcus

Sou viajante, marítimo, gosto de fotografia, cinema, artes em geral.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Meme Literário 2013 – Dia 12

  1. Pingback: Rato de Biblioteca » Blog Archive » Meme literário 2013 - Dia 12

  2. concordo contigo, Marcus. é claro que, num livro,o mais importante é o conteúdo. mas o conforto da leitura influencia tb, eu acho, e a durabilidade da edição, num livro bom, puxa vida!, pode determinar q vc vai poder ler e reler aquela história querida quantas vezes quiser! exemplo, lá vou eu pra Sherlock Holmes: recentemente li as obras completas de SH em inglês numa edição ilustrada da Wordsworth, em paperback. Era meu sonho ter uma edição com as ilustrações originais do The Strand! mas é um livro grande demais para paperback, e sei que se eu ficar lendo e relendo muito nele, ele vai se acabar. já ficou comas pontas arrebitadas e a capa toda marcada na primeira leitura completa. já minhas edições de SH do Círculo do Livro têm mais de 20 anos de idade, lindas, cheirosas de livro velho, perfeitas, gostosas, lidas, relidas, trelidas, e só de abrir e rever aquelas letrinhas conhecidas já me aquece o coração. 🙂

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s